PORTALRGNUTRI

Aumento da expectativa de vida no Brasil

abril 28, 2017

No início do mês de abril de 2017, durante o Seminário de Vigilância de Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) e Promoção da Saúde, a SVS – Secretaria de Vigilância em Saúde – apresentou os avanços das políticas públicas implementadas com base no Plano de Ações Estratégicas para o Enfrentamento das DCNT no Brasil 2011-2022.
O destaque da apresentação foi o aumento na expectativa de vida dos brasileiros, com enfoque especial para a redução da mortalidade por doenças cardiovasculares. Além disso, o evento reuniu dados que apontaram diminuição das mortes por causas materno-infantis e infecciosas, e, também, mortes por doenças crônicas e por causas externas.
De acordo com o Ministério da Saúde, a média de vida do brasileiro aumentou 6,5 anos em 25 anos, sendo que a redução da mortalidade por doenças cardiovasculares foi responsável pelo aumento de 2,3 anos de vida para a população.
Durante o evento, as políticas públicas realizadas pelo Ministério da Saúde para alimentação saudável foram elogiadas, com destaque para o Guia Alimentar, publicado em 2014. De acordo com os especialistas, o Brasil e a Costa Rica foram os únicos que cumpriram 100% dos 14 indicadores para os avanços globais em direção aos indicadores de progresso monitoramento.
No entanto, ainda existem grandes desafios na luta contra as DCNT, afinal, os fatores de risco aumentaram, como o uso abusivo do álcool, a hipertensão arterial e o hábito de dietas não saudáveis, respondendo por 39% da carga da doença no país.

 

Referência bibliográfica:
1. Ministério da Saúde. Aumento da expectativa de vida ganha destaque em seminário de DCNT. Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br/index.php/o-ministerio/principal/secretarias/svs/noticias-svs/28005-aumento-da-expectativa-de-vida-ganha-destaque-em-seminario-de-dcnt Acesso em: 12 de abril de 2017.