PORTALRGNUTRI

NOVO ACORDO ENTRE MINISTÉRIO DA SAÚDE E INDÚSTRIAS DE ALIMENTOS PARA REDUÇÃO DE SÓDIO

julho 22, 2017

O Ministro da Saúde, Ricardo Barros, assinou um novo acordo com a Associação Brasileira das Indústrias de Alimentos (ABIA) para melhorar o perfil nutricional dos alimentos industrializados. O acordo valerá para os próximos 5 anos (2017-2022); a meta é retirar voluntariamente, 28,5 mil toneladas de sódio da alimentação dos brasileiros. A primeira cooperação entre Ministério da Saúde e Indústria, firmada em 2011, tornou possível a retirada de 17 mil toneladas de sódio dos produtos industrializados.
O brasileiro ingere atualmente mais que o dobro da quantidade máxima de sódio sugerida pela Organização Mundial da Saúde, realidade que impacta na saúde da população, principalmente pela influência na prevalência de doenças crônicas, como hipertensão, por exemplo.
A primeira categoria a reduzir sódio em sua composição no novo acordo envolve pães, bisnaguinhas e massas instantâneas, com metas para 2017, 2018 e, no caso dos pães, até 2020.
A cooperação se estenderá também para a redução de açúcar e gorduras. A previsão é de lançar no segundo semestre o Plano de Redução de Açúcar em Alimentos Industrializados, com formato similar aos acordos de sódio e vai envolver alimentos como lácteos, bebidas adoçadas, biscoitos, bolos e achocolatados.

Confira a apresentação sobre o novo acordo: http://portalarquivos.saude.gov.br/images/pdf/2017/junho/13/sodio-e-alimentacao-saudavel.pdf

Referências Bibliográficas:
Ministério da saúde. Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br/index.php/o-ministerio/principal/secretarias/svs/noticias-svs/28740-acordo-com-a-industria-reduziu-17-mil-toneladas-de-sodio-dos-alimentos. Acesso em 11 de julho de 2017.